PARA TODOS QUE NASCERAM ANTES DE 1945

Esse texto ( copiado de algum jornal ou revista ), me foi dado pelo meu pai que, no alto dos seus 102 anos, ainda sabia aproveitar as máximas da vida. Não é minha intenção plagiar ninguém, mas achei o contexto muito apropriado (parte 2)

Nós nascemos antes da televisão, antes da penicilina, da vacina Sabin, antes da comida congelada, da fralda descartável, do xerox, do plástico, das lentes de contato e da pílula. Nós nascemos antes do radar, dos cartões de crédito, fusão de átomos, raios lazer e canetas esferográficas. Antes da maquina de lavar pratos, secadoras de roupa,cobertores elétricos, computadores, celulares e ar-condicionado, e antes do homem andar na lua.
Nós casávamos primeiro e só depois morávamos juntos. Gente estranha, né?
Nós nascemos antes dos direitos dos gays, da mulher que trabalha dentro e fora de casa, da produção independente de filhos, dos berçários, da terapia em grupo, dos spas e dos flats. Nós nunca tínhamos ouvido falar em fitas e CDs, máquina de escrever elétrica, vídeo games, danoninho e rapazes de brinco. Nos nossos dias, fumava-se cigarro,erva era usada para fazer chá, coca era refrigerante e pó era sujeira.
Embalo era como se fazia criança dormir, lambada era chicotada,fio dental servia para higiene dos dentes, e malhar era coisa de ferreiro. Nós fomos a última geração tão boba a ponto de pensar que se precisava de um marido para se ter um bebê.
Não é de se espantar que estejamos tão confusos e haja tamanha lacuna entre as gerações…mas nós vivíamos, sim, nos vivíamos e continuaremos a viver apesar da próxima invenção.

NEM TUDO É DESVANTAGEM QUANDO VOCÊ PASSA DOS 70

Esse texto ( copiado de algum jornal ou revista ), me foi dado pelo meu pai que, do alto dos seus 102 anos, ainda sabia aproveitar as máximas da vida. Não é minha intenção plagiar ninguém, mas achei o contexto muito apropriado.

Ninguém mais o considera hipocondríaco
As coisas que comprar agora não chegarão a ficar velhas
Você pode,numa boa, jantar às 6 da tarde
Você pode viver sem sexo, mas não sem os óculos
Você da uma festa e os vizinhos nem percebem
A sua vista não vai piorar muito mais
O seu investimento em plano de saúde finalmente começa a valer a pena
As suas articulações passam a ser mais confiáveis do que o serviço de meteorologia
Seus segredos passam a estar bem guardados com seus amigos porque eles os esquecem
Sua mulher diz : “vamos subir e fazer amor ?” e você responde…”escolha uma coisa ou outra, não vou conseguir fazer as duas”
Você recebe aquele olhar de um mulherão, e o seu marca-passo abre a porta da garagem
As rugas somem do seu rosto quando você esta sem sutiã
Você não quer nem saber onde seu cônjuge vai, contanto que não tenha que ir junto
Você é avisado para ir devagar pelo médico, e não pelo policial
“Funcionou” significa que você hoje não precisa ingerir fibras
“Uma noite e tanto” significa que você não teve que se levantar para fazer xixi
Você não consegue se lembrar quem foi que lhe mandou essa lista

MINHOCANDO

Tanto no meu trabalho, quanto na roda de jogo, tenho amigas que falam sozinhas. Às vezes não são tão velhas, mas mesmo assim ficam remoendo. Quando eu era moça a gente comentava: ela esta ficando gagá… sinônimo de gagá é gagá mesmo. Não confundir com Lady Gaga! É senilidade, velhice, ou somente um hábito? Quando eu pergunto porque você esta resmungando, a maioria responde… eu moro sozinha, e não tenho com quem falar. E dai? Será que precisa falar para fora ? Não da para falar para dentro, isto é,pensar ?Eu tenho até inveja das pessoas que conseguem falar sem parar. Esta certo que são abobrinhas, mas perto delas, você não se preocupa de não ter o que falar. Pode ficar quieta que a conversa não morre. Mas em compensação vivo cantarolando. Apesar de não ter radio em casa, nem no carro, as toadas pegam, e fico remoendo dias a fio. Às vezes é chato porque quero esquecer e não consigo. Só esqueço uma, quando fico fixada noutra. São sempre musicas brasileiras. Sou muito patriota !!!!!!!

EUTANASIA

Agora um assunto polêmico.
Todo mundo sabe que a média de idade esta aumentando. Antigamente a gente morria com mais ou menos 70 anos.Hoje em dia, vão até 90/100.Não acho justo .Onera demais os jovens que ficam cuidando das mães, pais, avós, etc, as vezes até deixando de viver a sua vida. Logicamente há exceções: conheço uma senhora de 80 anos que teve 10 filhos e até hoje ,com netos e bisnetos, faz esqui aquático, nada todo dia, e é presidente de uma sociedade beneficente. Esta sempre arrumada, cabelo, roupa, tudo, e a casa é um brinco. Conheço um senhor que, com 85,trabalha o dia inteiro, joga tênis 4 vezes por semana, e faz ginástica mais 3 xs com sua personal trainer( antigamente era professora de ginastica …) Mas a maioria esta debulhando ! Que tal marcar uma idade,e quando lá chegar colocar todo mundo no paredão ,e …ratarataratarata… matar todos ! (brincadeirinha).
Eu sou a favor da eutanásia. Eu sei que haveria abusos: o filho que mata o pai para receber logo a herança, filha que mata a mãe porque dá trabalho, etc etc…
Depois, tem uma vantagem: eu tenho 79. Se eu souber que vou morrer com 85,me programo para o grande dia. Posso querer mudar de casa porque estou sozinha e a casa é muito grande; ou então, pegar um navio e sair por aí; começo a me desfazer de coisas que não uso mais. Fico somente com o essencial e do que eu realmente gosto. Mas como não se pode prever o futuro, fica aquela espada na cabeça: e se eu viver até os 100 anos…? Como é que fica?
Eu vi há muito tempo atrás um filme com Anthony Quinn em que ele era um esquimó. Viviam ele, a mulher e a sogra num iglu e ele dava um duro para conseguir carne naquelas paragens geladas. Quando eles tem um filho, e a velhinha vai ficando sem dentes, a filha ou esposa mastiga a comida e coloca na boca dela para alimentá-la. Chega uma hora em que o Anthony Quinn leva a velha para o alto do morro, e deixa-a lá para ser comida pelos ursos, ou outros bichos. Ela fica lá sentadinha, de pernas cruzadas, muito calma e serena. Aquilo me impressionou muito, mas tem uma explicação: o urso precisa comer para viver; o esquimó precisa do urso também para se alimentar, principalmente agora que nasceu o filho, e assim se completa o ciclo da vida.

LINGUAGEM

Outra coisa que mudou muito é a linguagem. Você já se pegou num almoço ou num jantar com seus netos? Metade do que eles falam você não entende. Não só pela velocidade de metralhadora dos kids (,e olha que eu ainda escuto bem ),mas pelos termos usados, até o…”oi mano, valeu !…” eu ainda entendia, mas agora, com o advento do computador, é um tal de ..”twitter, blog, facebook, Orkut, torpedo ”,e fica muito chato você interromper e perguntar o que é mesmo porque você vai esquecer daqui a pouco. É um outro mundo que não é o seu.
Você já se pegou numa mesa com 3 ou 4 pessoas falando ao mesmo tempo coisas que você não entende ? Você se sente a parte, não porque eles queiram, mas é a maldita velhice: você se encolhe, se afasta do presente, e por mais cinema ,exposição ,livros que você vá, veja ou leia, não consegue, (nem digo alcança-los) mas entende-los.